Cade nega aquisição da Plamed pela Hapvida (HAPV3)

Em fevereiro, órgão chegou a aprovar a operação, mas com restrições

Hapvida Divulgacao

Foto: Divulgação

Logo Trademap

Por:

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Por:

O Tribunal do Conselho de Administração de Defesa Econômica (Cade) negou a aprovação da compra da carteira de benefícios da Plamed pela Hapvida. O negócio havia sido anunciado em dezembro de 2019, por R$ 57,5 milhões na época.

Em nota enviada à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a Hapvida apontou que, com a negativa, a aquisição se tornou “inexequível”, ou seja, que não pode ser realizada.

Vale lembrar que, em fevereiro deste ano, o Cade chegou a aprovar a operação, mas com restrições. O combinado era de que parte da carteira de planos de saúde da Plamed fosse vendida a uma outra concorrente.

Concentrada em Aracajú, em Sergipe, a Plamed conta com cerca de 26 mil beneficiários de planos de saúde.

Ontem, as ações da Hapvida (HAPV3) encerraram o pregão em queda de 2,41%, a R$ 12,53. Acompanhe a cotação em tempo real pelo TradeMap.

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Tags:

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Rolar para o topo
Baixe o App Footer Post
Baixe o App Footer Post 0003 Carteira

Carteira consolidada

Baixe o App Footer Post 0002 historico de Dividendos

Histórico de dividendos

Baixe o App Footer Post 0001 Acompanhamento

Acompanhamento em tempo real

Baixe o App Footer Post 0000 IBOV

Comparação com IBOV, CDI, Dólar e mais