Navegue:
Trocafone retoma IPO na CVM

Trocafone retoma IPO na CVM

Distribuição será em oferta primária e secundária

Trocafone divulgacao

Foto: Trocafone/Divulgação

Por:

Compartilhe:

Por:


A Trocafone retomou sua oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês). O pedido foi protocolado na CVM em junho, mas foi interrompido.

A distribuição de ações ordinárias, nominativas, escriturais e sem valor nominal de emissão da companhia será primária, quando valores obtidos são destinados ao caixa da empresa, e secundária, quando os atuais acionistas vendem parte de suas fatias na companhia. 

A oferta ainda poderá ser acrescida de lote adicional, de até 20% do total de papéis inicialmente ofertado.

O coordenador líder da operação é o Banco Itaú. BTG Pactual, Goldman Sachs e UBS BB também coordenam a oferta, que será realizada em balcão não organizado, de acordo com a Instrução CVM 400.

Simultaneamente, serão realizados esforços de colocação das ações da companhia no exterior.  

O preço por ação na oferta ainda será fixado e divulgado pela empresa. 

Os recursos provenientes da oferta serão destinados para: 

– Atividades de M&A – 30%

– Investimentos em marketing – 23%

– Reforço de capital de giro – 28%

– Investimento em CapEx – 11%

– Expansão da Companhia na América Latina – 8%

Sobre a companhia

A Trocafone é uma empresa brasileira com operações em São Paulo e Buenos Aires. Vende celulares e tablets seminovos, comercializando mais de 35 mil aparelhos por mês, por meio de parceiros e da plataforma virtual.

Compartilhe:

Tags:

Compartilhe: