Navegue:
Conselho da JSL aprova incorporação das ações da Fadel

Conselho da JSL aprova incorporação das ações da Fadel

A operação, que havia sido anunciada em março de 2021, tornará a Fadel subsidiária integral da JSL

jsl

Foto: JSL/Divulgação

Por:

Compartilhe:

Por:

JSL (JSLG3) informou na última sexta-feira, 27, que seu conselho de administração aprovou os documentos finais da incorporação das ações de emissão da Fadel pela empresa. 

De acordo com o fato relevante, a operação consistirá na incorporação pelo valor do seu patrimônio líquido contábil, com a emissão de novas ações ordinárias, escriturais e sem valor nominal da JSL a serem atribuídas a Ramon Alcaraz, acionista da Fadel.

Com a transação, a Fadel irá se tornar uma subsidiária integral da JSL, considerando que a companhia já havia comprado 75% do capital social total da controlada por R$ 173,1 milhões no ano passado. 

A incorporação já havia sido anunciada em 15 de março de 2021 por meio de fato relevante e ainda será submetida à aprovação dos acionistas em Assembleia Geral Extraordinária (AGE) convocada para o dia 27 de setembro. 

Segundo a empresa, o negócio terá como objetivo transformar a Fadel em sua subsidiária integral e, consequentemente, a simplificar a estrutura societária das suas controladas, bem como seus ganhos de sinergia, eficiência e redução de custos. 

Quando aprovada a incorporação, a Simpar e o Ramon Alcaraz celebrarão um Acordo de Acionistas.  

A companhia ainda estima que os custos de realização da operação serão em torno de R$700 mil, considerando as despesas com publicações, auditores, avaliadores, advogados e demais profissionais contratados para assessoria. 

Assumindo que o capital total da JSL esteja representado por 279.991.078 ações ordinárias (ON) e o da Fadel, por 37.279.080 papéis ordinários na data de consumação da operação, Alcaraz receberá 0,69100418 ação ON de emissão da JSL para cada 1 ação ON de emissão da Fadel de que seja proprietário. 

Dessa maneira, a aquisição das 9.319.770 ativos ON de Alcaraz pela JSL terá por contrapartida a emissão de 6.440.000 novas ações ON, representativas de cerca de 2,25% do capital social da JSL. 

Compartilhe: