Navegue:
Equatorial (EQTL3) é ação do Ibovespa que mais cai após confirmar que estuda follow-on

Equatorial (EQTL3) é ação do Ibovespa que mais cai após confirmar que estuda follow-on

Empresa confirmou que estuda vender novas ações para custear parte da compra da Echoenergia, anunciada em outubro

Fachada de prédio da Equatorial, com foco no logo
Por:

Compartilhe:

Por:

A Equatorial (EQTL3) é uma das poucas ações do Ibovespa que registra queda – e a que mais cai dentro deste grupo – depois de confirmar que estuda colocar mais ações no mercado. Por volta das 11h30 (de Brasília), os papéis recuavam 0,69%, para R$ 21,69.

As ações da Equatorial – que vinham caindo desde sexta-feira (14) – acentuaram o ritmo de queda ontem depois de o Valor Econômico publicar que a companhia pretende vender pelo menos R$ 2 bilhões em novas ações para custear parte da compra da Echoenergia.

A Equatorial veio a público algumas horas depois, dizendo que está falando com instituições financeiras sobre este assunto, mas se recusou a confirmar os valores.

A compra da Echoenergia foi anunciada no final de outubro do ano passado. Sob os termos do acordo, a empresa pagaria R$ 6,65 bilhões pela companhia, além de assumir R$ 2,93 bilhões em dívidas. Na época, a operação foi considerada positiva para a Equatorial, mas especialistas apontavam desde lá que ela poderia ser pesada para a companhia do ponto de vista financeiro.

Em relatório comentando a transação, a XP ressaltou que se a Equatorial custeasse sozinha a transação, veria sua dívida líquida chegar a 4,4 vezes o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (ebitda) no fim do ano passado, índice maior que o de 2,9 vezes registrado à época do anúncio do acordo.

O BTG Pactual Digital também apontou que a Equatorial talvez tenha pagado caro pelos novos ativos. “Achamos que pagou um grande prêmio (29% de seu valor de mercado) para entrar em um novo segmento onde a concorrência é feroz e sua experiência histórica de recuperação desempenha um papel menos relevante.”

A instituição financeira também estimou na época que a Equatorial não precisaria levantar capital no mercado para concluir a aquisição, a não ser que tivesse planos de continuar expandindo as operações no curto prazo – algo que a Equatorial ainda não deixou claro se pretende fazer.

Apesar da queda nos preços da Equatorial, especialistas consideram que a empresa é uma boa opção de investimento. Das 12 recomendações compiladas pela Refinitiv, nove são para a compra da ação, e a previsão do mercado é de que existe espaço para uma valorização de pelo menos 18% no valor dos papéis.

eqtl
Fonte: Refinitv/TradeMap

 

Compartilhe:

Compartilhe: