Logo TradeMap

Por TradeMap

O maior e mais completo hub financeiro do Brasil

O TradeMap nasceu em 2018 e oferece ferramentas para acompanhamento e operação no mercado financeiro em tempo real. A plataforma concentra mais de 3 milhões de acessos diários e reúne mais de 3 milhões de usuários.

IR 2022: Aprenda a informar seus investimentos na declaração do Imposto de Renda – de graça!

IR

Foto: Shutterstock

Compartilhe:

O “Veja como” e o “Aprenda a”, entre outros chamados feitos para facilitar a sua vida, podem ser um apoio importante para atividades que demandem grande dedicação de tempo e, principalmente, para as que carregam certo de grau de risco quando realizadas de qualquer jeito.

A declaração do Imposto de Renda é um exemplo de tarefa para a qual a dedicação é muito importante.

Se você é investidor, está mais do que na hora de se atualizar sobre as mudanças no programa da Receita para a declaração de suas aplicações financeiras.

Neste ano, está disponível uma versão da declaração preenchida previamente, com base no documento do ano anterior. Antes, o recurso era acessível apenas para os contribuintes que faziam a declaração online, sem baixar o programa.

Dá para aproveitar também outras mudanças e conseguir responder a declaração de modo mais rápido e correto.

E, desta vez, a Receita dividiu a ficha para declaração de “Bens e direitos” em sete grupos. A intenção foi deixar mais claro onde o contribuinte deve declarar cada tipo de patrimônio e ativo.

Passo a passo

Você deve sempre dar atenção especial aos seus investimentos. E isso também é necessário, claro, na hora de declará-los.

No ebook do TradeMap “Imposto de Renda 2022 – Confira como declarar seus investimentos”, você encontra o passo a passo para declarar de ações, Tesouro Direto e fundos imobiliários a CDBs, LCIs, LCAs e companhia.

Saiba, por exemplo, que perdas registradas com investimento em ações podem ser informadas para reduzir o imposto a ser pago, caso você tenha obtido lucro em algum período do ano.

Veja também:
Quer simplificar a vida e garantir uma ferramenta que calcule automaticamente o quanto você irá pagar de Imposto de Renda? Clique aqui!

No caso dos fundos de investimentos imobiliários (FIIs), para fins de cálculo de imposto, o valor pago pelas respectivas cotas é o que o investidor deve usar para determinar se ganhou ou perdeu com uma operação.

Outra dica, neste caso sobre Tesouro Direto, mostra que, embora o imposto seja retido na fonte, cabe a você, investidor, informar à Receita o valor aplicado em títulos públicos ao fim de 2021 e os rendimentos, em caso de venda antecipada, pagamento de juros ou vencimento dos papéis.

Tenha em mãos seus informes de rendimentos para fazer a declaração e identifique as aplicações que possui, o que também inclui contribuições ou resgates de planos de previdência privada ou investimentos em criptomoedas.

E para ativos estrangeiros, saiba que a tributação desses investimentos, além de ser diferente conforme o tipo de ativo, varia de acordo com a forma que a aplicação foi feita.

Preço médio, lucro e prejuízo

Destacamos três pontos (preço médio, lucro e prejuízo) para que você se atente às informações imprescindíveis para a declaração de investimentos.

Na declaração da alocação de recursos em ações, por exemplo, o valor que deve ser usado é o do preço médio de compra, e não o de mercado. Você pode encontrar essa informação gratuitamente do TradeMap ao acessar o módulo “Carteira”, depois as seções “Ativos” e “Ações”, nessa ordem.

Além disso, a plataforma oferece uma ferramenta para assinantes por meio da qual é possível calcular automaticamente o lucro e o prejuízo das operações feitas ao longo do ano e saber com precisão todo o imposto a pagar.

Tudo isso para facilitar sua vida, trazer tranquilidade em relação à informação declarada e garantir os descontos a que tem direito e, claro, o pagamento do que for devido.

Compartilhe: